10 de abr de 2010

É só um chuvisco

Você esteve no Rio durante essa última semana?

Não?

(então essa merda já se espalhou para cacete, visto que eu não passei o link para nenhum não carioca)

Então, ficar seco é legal né?

Se você esteve, então provavelmente passou a semana inteira curtindo altas paradas molhadas.

Se você não se molhou, eu pergunto apenas: COMO??

Essa última semana, especialmente a terça e a quarta, foi apocaliptcamente atípica, caótica, molhada, engarrafada, paulista e, porque não, molhada.

(e ainda tinha gente na praia)

Todos choram as vítimas de mais uma chuva.

Outra tragédia que se repetiu.

Porra! Se a tragédia se repetiu, não custa nada se prevenir, certo?

A verdade, é que a tragédia foi burrice.

Burrice de quem vai e joga sofá no rio.

Burrice de quem joga lixo em bueiro.

Burrice de quem constrói casa em lixão.

Burrice de quem deixa construir.

Burrice de quem ouve de novo as mesmas promessas desgastasdas daqueles que não fazem nada. E acredita.

Todo mundo sabe que o Rio é sensível à chuvas.

Mesmo assim nós continuamos fazendo o que sempre fazemos: reclamamos.

E jogamos o sofá no rio.

Até quando?

7 de abr de 2010

Potencult

Estréia hoje nos cinemas o filme chinês mais badalado do ano: Mao Tsé-Tang: O homem que virou suco.

O filme conta a história de Mao Tsé-Tang, empresário, que em meio ao caos comunista começa a vender sucos em pó e acaba com uma multinacional gigantesca e líder do mercado.

O filme começa com a pequena vendinha de Mao, na cidade de Oskdfjsidf na província de Sodsifjasd e termina mostrando ele no dia em que se tornou acionista majoritário da Coca-Cola.

O elenco é um de seus pontos altos e  conta com uma porrada de chinês igual é formado apenas por gêmeos identicos.

A superprodução teve um orçamento baixíssimo devido a mão de obra escrava e a efeitos especiais piratas.

Mao foi muito bem recebido pela crítica chinesa e é patrocinado pelo governo chinês.

Também alcançou a marca de 122.222.432.352 expectadores no fim de semana de estréia, algo entorno de 1% da população chinesa, marca considerada abaixo das expectativas para o longa.

Encerro meu texto com um convite aos meus 3 leitores para que assistam o filme nos cinemas.

6 de abr de 2010

São Paulo é aqui

Enchentes.

Tempestades.

Violência.

Engarrafamento.

Shopping.

São Paulo é aqui.

Atlândida

O carioca ia andando pela rua. Ou tentando andar. Ou nadando.

De longe, ele avista um amigo, de longa data, que há muito não o via. Paulista.

"Deve ter vindo à trabalho" pensa rapidamente o carioca.

Ele transitava com muita leveza na enchente.

"Deve estar acostumado, o desgraçado" notou o carioca.

Eles se esbarram. Num minuto anos se passaram nas mentes dos dois. Um turbilhã o de imagens os engole simultaneamente. Um sorriso. Um abraço.

-Fala Carioca!!! Tudo em cima, mano!!!

-Beleza Paulista. Quanto tempo, né?

-E aí mano, o que ce conta de novo?

-Porra cara, de uns dias pra cá só tem dado merda. Essa chuva, essas enchentes, esses engarrafamentos... Tá até parecendo São Paulo.

Ofendido, Paulista retruca:

-Mano, Sampa é a locomotiva do país. Ces tem que crescer muito para chegarem aos nossos pés.

Furioso, Carioca responde:

-Pelo menos aqui temos praia!!

E cada um sai para um lado.

Estúpidos bairrismos.

Frases

No meio do caminho tinha uma pedra.
Você só precisa de uma caneta na mão e uma idéia na cabeça.
Democracia é o abuso de estatística.
43% das estatísticas não servem para nada.

No meio da caneta tinha uma estatística.
Você só precisa de uma democracia na mão e nada na cabeça.
Pedra é o abuso de caminhos.
43% das idéias não servem para estatísticas.

No meio da cabeça tinha uma pedra.
Você só precisa de uma estatística na mão e uma democracia na cabeça.
Estatística é o abuso de canetas.
43% dos caminhos não servem para nada.

No meio da democracia tinha uma caneta.
Você só precisa de uma pedra na mão e uma estatística na cabeça.
Caminho é o abuso de nada.
43% das idéias não servem para nada.

No meio da idéia tinha uma caneta.
Você só precisa de um caminho na mão e uma estatística na cabeça.
Pedra é o abuso de estatísticas.
43% das democracias não servem para nada.

Plantão saúde

Psicólogos e cientistas relataram ontem uma descoberta que vai virar o Mundo de cabeça para baixo. Pesquisadores da Universidade Municipal de Pau Grande, no Rio de Janeiro acabam de anunciar o Transtorno de múltiplas personalidades online.

De acordo com os pesquisadores, esta síndrome esteve presente desde sempre, porém atingiu níveis caóticos com o advento do Twitter e seus fakes abundantes. É como nos explica a jovem A, que também é B, C, D e E.

(voz de pato) -"Po, tipo, tá ligada na parada. É mó sinistro. Tipo, sei lá. É mega-bizarro. Po, ce fica mó sem noção. Sei lá... Tipo... Sei lá."

De acordo com os pesquisadores, o principal efeito da síndrome é causar uma depêndencia enorme das vítimas em relação ao computador e à aceitação de seus perfis.

Suas principais vítimas são adolescentes retardadas devoradoras de Capricho, mas a síndrome já foi identificada em outros seres, tais como blogueiros com pseudônimosm imbecis.